O Curiosity tirou novas fotos de rochas em Marte que poderão vir a ser estudadas pelo robô

O jipe-robô Curiosity que explora a superfície do planeta Marte, conclui na última segunda-feira (01/10), as análisesnuma pedra em formato de pirâmide, chamada de Jake Matijevic, onde, por meio do seu braço robótico que carrega uma série de equipamentos altamente sofisticados, dentre eles o APXS (espectrômetro de raio-X) foi possível tocar e analisar a rocha para estudar os elementos químicos que a constitui, a NASA ainda não divulgou o resultado das análises encontradas.

Segundo alguns pesquisadores que integram o grupo de cientistas que trabalham na missão do Curiosity, o robô já fez várias e importantes descobertas sobre Marte, muitas delas ainda não foram divulgadas ao grande público.
Curiosity faz fotos a 27 cm de uma pedra em Marte
Nova pedra  encontrada pelo jipe-robô Curiosity em Marte. Foto:  Curiosity/NASA
O Curiosity segue agora rumo a um local em Marte chamado de Glenelg, onde estudará a composição química do solo, nesse caminho, ele encontrou e tirou foto de outra rocha marciana chamada de “Bathurst Inlet” (veja na imagem acima). Segundo a NASA, essa nova pedra tem um tamanho de 16cm por 12cm e poderá ser um novo alvo de estudos por parte do robô, as imagens foram feitas a 27 centímetros da pedra pela câmera localizada no braço mecânico do robô, chamada de Mahli (Mars Hand Lens Imager).

Leia também:
A missão do jipe-robô Curiosity (Curiosidade em português) que pousou em Marte no dia 06 de agosto de 2012 está prevista para durar 24 meses, os cientistas esperam encontrar vestígios de vida microbiana que outrora supõe ter existido nos primórdios do planeta vermelho. As imagens do Curiosity corroboram para sustentar a hipótese de que Marte já foi um lugar com abundante quantidade água em seu passado.


Comente com sua conta do Facebook