Mais Recentes

Em seis anos de privatização mais de 84% da BR-050 em Goiás já foi duplicada
84% da BR 050 em Goiás já foi duplicada
Ponte duplicada • Ribeirão Imburuçu • BR-050 • Km 179+800. Foto: ECO050.
Nos 436,6 quilômetros da BR-050 sob concessão, de Delta (MG) a Cristalina (GO), muita coisa mudou, depois de 6 anos de atividades da Eco050 administrando a rodovia. A recuperação do pavimento e da sinalização; a conservação e manutenção, assim como as obras de ampliação e duplicação da BR-050, avançam diariamente.

Os usuários têm apoio 24 horas em qualquer emergência, dispondo de socorro mecânico com guinchos leves e pesados; socorro médico com ambulâncias; viaturas de inspeção de tráfego e câmeras monitorando tudo o que acontece na rodovia.

Essenciais para a modernização da infraestrutura regional, os investimentos, já feitos pela concessionária, refletem diretamente na economia e na qualidade do transporte rodoviário no Sudeste de Goiás e no Triângulo Mineiro, com a melhoria da BR-050 nos aspectos de segurança, fluidez, economia e conforto.

Mais investimentos
A Eco050 programou, já a partir deste ano, mais de R$ 2,1 bilhões em investimentos até o término do prazo de concessão em 2044. Mais R$ 760 milhões serão destinados exclusivamente para os serviços de sinalização, manutenção, conservação e operação da rodovia.

Prefeituras arrecadaram ISSQN de R$ 41 milhões sobre a receita do pedágio
Foi esse o valor recolhido de Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza – ISSQN – pelas prefeituras ao longo da BR-050 sobre a receita de pedágio na rodovia Eco050 desde o início da concessão. De lá para cá foram arrecadados o equivalente a R$ 41 milhões.
E há também valores recolhidos sobre o pagamento de obras e serviços realizados por terceiros na Eco050, que somam mais de R$ 33 milhões. As cidades beneficiadas foram Cristalina, Ipameri, Campo Alegre de Goiás, Catalão e Cumari – em Goiás; Araguari, Uberlândia, Uberaba e Delta – em Minas Gerais.

Mais segurança na via
Um dos principais diferenciais da BR-050, rodovia sob concessão da Eco050 desde 2014, é o amparo que o usuário recebe caso sofra um acidente ou precise de suporte para o seu veículo por meio do Serviço de Atendimento ao Usuário – SAU.
Desenvolvimento e investimento na BR 050
Quadro resumo das operação da concessionária na BR-050.

Prontos para atender
Com tecnologia de última geração, o Centro de Controle Operacional – CCO da Eco050 – acompanha em tempo real as ocorrências na rodovia e assim dimensiona e disponibiliza com mais rapidez e precisão os recursos de auxílio aos usuários por meio do Serviço de Atendimento ao Usuário – SAU –, composto por 337 profissionais especializados e 51 veículos operacionais.
O sistema de comunicação e monitoramento de tráfego do trecho administrado é composto por 175 câmeras de monitoramento – uma a cada três quilômetros –, 20 painéis eletrônicos de mensagens, 39 analisadores de tráfego e 16 radares, tudo interligado por uma rede de fibra ótica instalada em toda a extensão da rodovia.

Obras e melhorias em Minas Gerais e Goiás
Foram executadas pela Eco050 várias atividades de restauração de pista, colocação de defensas metálicas, placas, roçada, cercas e outras melhorias ao longo dos 436,6 quilômetros da rodovia.
Nesse período foram construídos 19 novos trevos, sendo 17 em Goiás e 2 em Minas Gerais. Além de 3 novas pontes em Goiás, também foi realizada a recuperação de 7 pontes e viadutos existentes nos dois estados. Mais de 700 trabalhadores recuperam diariamente o pavimento e a sinalização, fazendo a conservação e a execução de obras para ampliação e duplicação da rodovia.

Duplicação em Goiás está com 84% das obras concluídas
A duplicação em Goiá alcançou a marca de 84% de conclusão em suas obras entre Cristalina e a divisa com Minas Gerais. 
No início de janeiro, 8 quilômetros foram entregues entre Catalão-GO e a divisa com Minas Gerais, sendo 6 quilômetros com canteiro central, 2 quilômetros com barreira rígida e 2 retornos em nível. A entrega da obra foi antecipada, já que o prazo contratual estabelecia o mês de junho de 2020 como data limite.
Até hoje foram duplicados 184 quilômetros, faltam apenas 34,5 quilômetros, dos quais 22,7 quilômetros serão ainda entregues neste ano.

Mais trechos duplicados serão entregues em 2020

  • Até junho - devem ser entregues 14,2 quilômetros entre o km 295+200 e o km 309+400.
  • Em dezembro - está prevista a entrega de mais 4,8 quilômetros, do km 309+400 até a divisa GO/MG e também 3,7 quilômetros das obras do perímetro urbano de Cristalina.
Duplicação da BR-050 em Goiás

Clodoaldo Lemes 1/09/2020
Trecho de 8 KM duplicados na BR-050 será liberado para tráfego no dia 02 de janeiro
BR-050 - Trecho de 8 km liberado ao tráfego
Trecho de 8 km duplicados da BR-050 será liberado dia 02/01. Foto: Eco 050.


A Eco050 concluiu mais 8 quilômetros da duplicação da BR-050 em Goiás. A liberação do trecho será realizada nesta quinta (02/01/2019). A obra possui, em toda sua extensão, pista duplicada em cada sentido, com 6 quilômetros de canteiro central, 2 quilômetros de barreira rígida e 2 retornos em nível. A entrega da obra foi antecipada, já que o prazo contratual estabelecia o mês de junho de 2020 como data limite.
O novo trecho integra as obras de duplicação de 218,5 km da BR-050 em Goiás. Até hoje, foram duplicados 184 quilômetros. Faltam apenas 34,5 quilômetros, dos quais, 22,7 quilômetros serão ainda entregues neste ano.

Liberação de mais 8 quilômetros ao tráfego
·         Entrega: 02/01/2020
·         Horário: 8h (previsão)
·         8 quilômetros liberados do Km 287+200 ao 295+200
·         6 quilômetros de canteiro central
·         2 quilômetros de barreira rígida
·         2 retornos em nível

Mais trechos duplicados serão entregues em 2020
·         Até junho - devem ser entregues 14,2 quilômetros entre o Km 295+200 e o 309+400.
·         Em dezembro - está prevista a entrega de mais 4,8 quilômetros, do Km 309+400 até a divisa GO/MG.

Duplicação no perímetro urbano de Cristalina
Em dezembro será liberado ao tráfego a duplicação de 3,7 quilômetros das obras no perímetro urbano de Cristalina. 

Clodoaldo Lemes 1/01/2020
Eco050 realiza operação especial de fim de ano na BR 050 entre Goiás e Minas Gerais

A Eco050, concessionária responsável pela administração dos 436,6 quilômetros da BR-050, que começa no entroncamento com a BR-040, em Cristalina (GO), e se estende até a divisa de Minas Gerais com São Paulo, no município de Delta (MG), espera 505 mil veículos (de 20 a 26/12) e 447 mil no período do Réveillon (de 27/12 a 02/1), totalizando aproximadamente 952 mil veículos no período de final de ano.

Para os feriados de Natal e Réveillon, o movimento deve ser intensificado nas praças de pedágio Araguari 1 (km 013+730) e Araguari 2 (km 051+475), no sentido norte, que leva aos destinos de cidades turísticas como Caldas Novas e Três Ranchos, em Goiás.

Confira a previsão de maior fluxo:

Saída Natal

  • 20 de dezembro (sexta-feira): das 18h às 22h
  • 21 de dezembro (sábado): das 6h às 18h

Volta Natal

  • 25 de dezembro (quarta-feira): das 12h às 22h
  • 26 de dezembro (quinta-feira): das 6h às 12h

Saída Réveillon

  • 27 de dezembro (sexta-feira): das 18h às 22h
  • 28 de dezembro (sábado): das 6h às 16h

Volta Réveillon

  • 1º de janeiro (quarta-feira): das 12h às 22h
  • 2 de janeiro (quinta-feira): das 6h às 12h

Orientações para uma viagem segura
Respeitar os limites de velocidade, manter distância de segurança em relação aos demais veículos, ultrapassar apenas quando houver plenas condições de segurança e não desviar a atenção do trânsito. Estas são algumas das principais orientações da Eco050 para reduzir o risco de acidentes.

A concessionária também orienta os usuários da rodovia, mesmo antes de viagens curtas, a fazer uma revisão preventiva do veículo, o que inclui a checagem dos pneus, do sistema de iluminação, dos equipamentos obrigatórios, do nível do óleo e do radiador, entre outros itens.
Também é fundamental planejar a viagem, buscando evitar, na medida do possível, os horários de pico. Dirigir cansado ou com sono aumenta o risco de o motorista cometer erros. A cada três ou quatro horas de viagem, é recomendável uma pausa para descanso ou revezar a direção do veículo.

Recursos Disponíveis
Serão disponibilizadas pela Eco050 durante a Operação Fim de Ano, 51 viaturas novas, entre pick-ups de inspeção de tráfego, ambulância UTI, ambulâncias de resgate, veículos leves de atendimento rápido e guinchos leves e pesados.

Frota da Eco050 está 100% renovada
A nova frota de veículos da Eco050 está à disposição dos usuários que trafegam pelos 436,6 km da BR-050. Os novos veículos adquiridos pela concessionária estão em operação desde o dia 18 de dezembro.
Frota de veículos da concessionária Eco050
Frota de viaturas da Eco050. Foto: Divulgação.

Atendimento aos usuários
Ao longo dos 436,6 km de rodovias sob concessão, a concessionária dispõe de nove unidades do Serviço de Atendimento ao Usuário (SAUs), para atender os viajantes – com local adequado para pausa na viagem, com banheiro, fraldário, água e informações.

Canais de Informação
A Eco050 disponibiliza diversos canais de informação e atendimento para os usuários que pretendem utilizar a BR-050.  A concessionária recomenda que os motoristas verifiquem sempre as condições de trânsito antes viajar. Há também na rodovia 14 painéis de mensagens variáveis fixos que transmitem informações sobre as condições de tráfego e de alerta em casos de acidentes na pista, além de mensagens educativas.
·         Atendimento de Emergência - 0800 940 0700 (24h)
·         Site - www.eco050.com.br
·         Twitter - www.twitter.com/eco050


Sobre a Eco050 
A Eco050, uma empresa do Grupo EcoRodovias, é a nova concessionária da BR-050. São 436,6 quilômetros de extensão que compõem um importante corredor viário, passando por nove municípios de Goiás e Minas Gerais. O trecho concedido contempla uma das principais vias de ligação entre o Distrito Federal e São Paulo, que se inicia no entroncamento com a BR-040, em Cristalina (GO), e se estende até a divisa de Minas Gerais com São Paulo, no munícipio de Delta (MG) Informações: 0800 940 0700. Acesse www.eco050.com.br – Twitter @eco050

Sobre o Grupo EcoRodovias
 O Grupo EcoRodovias é um dos maiores grupos de infraestrutura do Brasil. Ao longo de 20 anos vem expandindo, de forma estratégica, sua presença tanto em corredores de importação e exportação, quanto em relevantes eixos turísticos do Brasil. O portfólio da EcoRodovias inclui 2.640 km de concessões rodoviárias e um ativo portuário (Ecoporto). São dez concessões – sete em operação, duas em fase de assinatura de contrato e a Eco135 em início de operação - em sete estados da federação, localizados nos principais corredores comerciais das regiões Sul e Sudeste do país. O Grupo registrou, em 2017, 296 milhões de veículos equivalentes pagantes. Acesse www.ecorodovias.com.br

Clodoaldo Lemes 12/22/2019
A concessionária Ecovias do Cerrado assume concessão das BRs 364/365 no trecho de 437 km entre Jataí e Uberlândia
Privatização das BRs 364/365 - Ecovias do Cerrado

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e a Concessionária Ecovias do Cerrado assinaram, hoje (19/12), o contrato de concessão da BR-364/365/GO/MG – trecho entre Jataí (GO) e Uberlândia (MG). A transferência da administração do trecho para a concessionária ocorrerá em até 30 dias após a publicação do extrato de assinatura do contrato.

A concessionária administrará 437 quilômetros de extensão das rodovias federais BR-364-365. Desse total, 192,7 quilômetros pertencem à BR-364 em Goiás e 244,3 quilômetros fazem parte da BR-365 em Minas Gerais. A Ecovias do Cerrado investirá, nos 30 anos de concessão, R$4,59 bilhões na realização de obras de modernização, recuperação, conservação, manutenção, operação do trecho e serviços de atendimento aos usuários. Os investimentos em todo o trecho visam garantir mais segurança e fluidez para quem trafega pelo trecho concedido. A concessão deve gerar aproximadamente 3,6 mil empregos diretos e indiretos.

O trecho faz parte de uma das mais importantes rotas para o escoamento de grãos do Centro-Oeste até o porto de Santos. Também é uma importante rota para abastecimento da região sul de Goiás e Minas Gerais, principalmente de produtos da indústria, materiais de construção e alimentos. São 11 municípios, sendo 5 em Goiás (Aparecida do Rio Doce, Cachoeira Alta, Jataí, Paranaiguara e São Simão) e 6 em Minas Gerais (Santa Vitória, Gurinhatã, Ituiutaba, Canápolis, Monte Alegre de Minas e Uberlândia).

Dentre as obras de melhorias, o contrato de concessão prevê 44 quilômetros de duplicação entre o Trevo com a BR-153 e Ituiutaba/MG, implantação de 160 quilômetros de terceiras faixas, 88 quilômetros de acostamentos e 20 quilômetros de vias marginais, além da conclusão das obras de implantação do Trevão com a BR-153 e trevo com a BR-452 (Xapetuba).

A partir de setembro de 2020, os usuários poderão contar com serviços de atendimento de emergência durante 24h em todos os dias da semana com 9 ambulâncias, 6 guinchos, 2 caminhões-pipa e 2 caminhões para apreensão de animais.

Toda a gestão desses recursos será realizada por um Centro de Controle Operacional, que fará a gestão das equipes posicionadas estrategicamente em 9 bases de atendimento ao longo de todo o trecho.

Clodoaldo Lemes 12/19/2019
A Rádio Cerrado FM 107,9 está no ar em Águas Lindas de Goiás e transmite para Brasília e DF
Rádio Cerrado FM está no ar em Brasília

Nessa segunda-feira (16/12), entrou no ar em formato de expectativa a Rádio Cerrado FM 107.9 MHz. A mais nova emissora da cidade está substituindo a Rádio Jovem Pan News FM, que vinha nos últimos meses retransmitindo integralmente a programação da matriz em São Paulo. A frequência de 107.9 MHz pertence ao Grupo Jovem Pan e é uma concessão do município de Águas Lindas de Goiás que fica na divisa do Distrito Federal com Goiás.

A Rádio Cerrado FM chega com grandes expectativas, o projeto contará com músicas ecléticas, notícias, entrevistas e informações do DF e Entorno. O sinal da emissora chega com qualidade nas regiões mais povoadas do Distrito Federal, tais como, Ceilândia, Taguatinga, Samambaia, Riacho Fundo, Recanto das Emas, Brazlândia, Gama e Santa Maria.


Como eu faço para ouvir a Rádio Cerrado FM 107,9?
Bem caro ouvinte, caso você esteja no Distrito Federal e adjacências, basta sintonizar seu rádio na frequência modulada (FM) de 107.9 MHz. Em breve a Cerrado FM estará transmitindo seu áudio online via internet, onde você poderá ouvir de qualquer lugar do planeta também pelo site 👉Radiocol.


Qual é o perfil da Cerrado FM?
A Rádio Cerrado FM 107,9 é uma emissora com programação popular, ou seja, você poderá ouvir 24 horas por dia muita música de todos os estilos, além de notícias, entrevistas e informações de interesse da comunidade.

Qual é o site da Cerrado FM
O site da emissora está em construção e em breve estará online.

Qual é o número do telefone e WhatsApp da Rádio Cerrado FM?
Os números de contato da emissora ainda não foram divulgados. 

Clodoaldo Lemes 12/16/2019
Prefeito de Cristalina veta projeto aprovado pela Câmara que aumentava de 13 para 15 o número de vereadores

15 vereadores em Cristalina?

O Brasil atravessa um momento difícil, com desemprego, economia em marcha lenta e perda do poder de compra dos trabalhadores, além de violência e problemas estruturais na saúde e educação. Ainda assim, nesse cenário complicado que atravessamos um projeto que aumenta de 13 para 15 o número de vereadores em Cristalina foi aprovado com unanimidade pelo legislativo municipal. Junto com as duas cadeiras a mais na Câmara vem mais gastos com parlamentares, gastos esses que poderiam ser revertidos em investimentos na melhoria da infraestrutura, saúde, educação e segurança do município.

A notícia do aumento do número de vereadores pegou muito mal entre os cristalinenses, que se uniram nas redes sociais e protestaram de forma enfática, inclusive expondo os nomes dos vereadores que votaram a favor do projeto. Atualmente o vencimento pago a cada vereador mensalmente é de R$ 8.635,07. Fazendo uma conta simples, considerando somente a remuneração bruta, cada vereador custa aos cofres públicos durante os quatro anos de seu mandato cerca de R$ 449.020,00. Atualmente para manter os 13 vereadores do município são necessários R$ 5.837.260 (quase 6 milhões de reais) a cada legislatura, dinheiro esse bancado pelos contribuintes, isso sem leva em consideração gastos com funcionários, assessores e com o funcionamento do próprio prédio da Câmara de Vereadores.

Em virtude da repercussão negativa, um grupo de vereadores pediu ao prefeito Daniel Vaz que vetasse o projeto aprovado por eles. Com a derrubado do veto feito pelo chefe do executivo municipal, Cristalina vai continuar com 13 vereadores. Em vídeo divulgado nas redes sociais (veja o vídeo abaixo) foi anunciado ainda que será apresentado um novo projeto que prevê a redução no número de vereadores de 13 para 11.

Clodoaldo Lemes 12/11/2019
Trabalhe na Concessionária Eco050, inclusive tem vagas para pessoas com deficiência
Pessoas com deficiência podem trabalhar na Eco050

Você que deseja trabalhar numa das maiores empresas de infraestrutura do Brasil então não perca tempo, candidate-se numa das vagas de emprego oferecidas pela concessionária ECO 050. A concessionária que pertence ao Grupo EcoRodovias é reconhecida por valorizar o crescimento sustentável, o desempenho profissional e a promoção da diversidade em seu eco sistema.

Inclusive pessoas com deficiência podem se candidatar a uma vaga de emprego na concessionária. A empresa oferece todo apoio para que essas pessoas possam desempenhar suas funções com independência e profissionalismo, contribuindo com o desenvolvimento pessoal e valorizando essa importante mão de obra.

Quem é a Eco050?

A Eco050 é a concessionária que administra a rodovia BR-050 (GO/MG), no trecho de 436,6 quilômetros que começa no entroncamento com a BR-040, em Cristalina (GO), e vai até a divisa de Minas Gerais com São Paulo, no município de Delta (MG).

Vagas de emprego disponíveis na Eco050

Para conferir e se candidatar às vagas disponíveis pela Eco050 e demais empresas integrantes do Grupo EcoRodovias, acesse o site 👉 https://site.vagas.com.br/PagEmprCust_eco050.html

Clodoaldo Lemes 12/10/2019
O Shopping Flamboyant de Goiânia fecha parceria com Hospital Sírio-Libanês para construir centro de saúde e bem-estar

Estratégia do Grupo propõe trazer ao coração do Brasil um relevante empreendimento que unirá em um só local geração de conhecimento, cuidados em saúde, bem-estar e a qualidade de vida.

Conceber um empreendimento de proporções inéditas no Centro-Oeste e que se diferencie por sua relevância quando os assuntos são geração de conhecimento, educação no segmento saúde, cuidados médicos e atividades de bem-estar para equilíbrio entre corpo e mente. Essas são algumas premissas que fundamentaram a parceria entre o Grupo Flamboyant e o Sírio-Libanês, oficializada com assinatura de contrato, nesta segunda-feira, 9 de dezembro de 2019, em Goiânia.

Com forte atuação no Centro-Oeste, a marca Flamboyant é sinônimo de vanguarda em quesitos como shopping center, agropecuária e urbanismo. Um projeto urbanístico que começou com investimentos significativos ainda em 1976 em Goiás, através da visão de futuro da família Louza, fundadora do Grupo Flamboyant, que contemplava já naquela época um crescimento responsável não só para o primeiro shopping da capital goiana, mas, sobretudo, para o Estado. Como resultado, a trajetória do Grupo Flamboyant vem se pautando por atrair a Goiás, a presença e investimentos de marcas de projeção nacional e internacional.

Referência internacional em saúde, o Sírio-Libanês busca contribuir para uma sociedade mais justa e fraterna por meio da humanização, por seu pioneirismo e excelência no atendimento médico-hospitalar e por seus esforços de responsabilidade social, ensino e pesquisa.

E foi justamente essa convergência de valores, com visões de mundo direcionadas não apenas para o desenvolvimento urbano ou resultado, mas, principalmente, para o desenvolvimento humano, que tornaram viável uma curadoria do Sírio-Libanês para planejar um complexo de bem-estar e saúde no Flamboyant Shopping.

"A junção dessas competências sinaliza um projeto ousado, ancorado nos pilares de bem-estar, educação, saúde e humanismo. São duas grandes marcas que possuem total convergência de valores e visão de mundo. Empresas que vão além na busca de excelência, relevância e ações transformadoras, sempre trazendo em suas atuações, o desenvolvimento humano", ressalta Lourival Louza Junior, presidente do Grupo Flamboyant.

Um estudo vai validar e dimensionar os conteúdos para que o projeto seja inovador e relevante. Como insights, o complexo de bem-estar e saúde não terá apenas a assistência médica como foco, mas também a prevenção. Além de clínicas, o centro médico poderá contar com exames laboratoriais, medicina diagnóstica e toda estrutura de wellness, valorizando a medicina integrativa e espaços para academia, a prática de ioga, entre outras modalidades. Somando-se a essa proposta está o compromisso de oferecer todas as inovações integradas num mesmo local, que também contará com um hotel.

Outra fundamentação para o projeto vislumbra a presença do Parque do Conhecimento, com cursos de pós-graduação e seminários com a área de Ensino e Pesquisa do Sírio-Libanês. "Compartilhar conhecimento e experiência faz parte do propósito do Sírio-Libanês, é o que nos motiva a trabalhar todos os dias por uma sociedade mais justa. A parceria com o Grupo Flamboyant, que tem valores tão próximos aos nossos, será uma importante expressão desse trabalho", diz Dr. Paulo Chapchap, diretor geral da Sociedade Beneficente de Senhoras Hospital Sírio-Libanês.

O complexo estará ligado diretamente ao Flamboyant Shopping - a área reservada para a construção do empreendimento oferece mais de 20 mil m² em terreno, antes ocupado pela TendTudo. Esta integração ao Flamboyant afirma o compromisso de cada vez mais transformar o shopping em um grande hub, um pólo que centraliza e consolida não apenas um ambiente para o comércio mas, sobretudo, um centro de convivência, onde as pessoas encontrem tudo o que precisam em um só lugar.

"Queremos entregar para o Centro-Oeste um inovador espaço multiuso,  onde as pessoas possam se encontrar e se conectar das mais diversas formas. Consideramos que o complexo de bem-estar e saúde é apenas o começo de um ecossistema capaz de entregar importantes soluções para as mais diferentes jornadas", afirma Lourival Louza Junior, presidente do Grupo Flamboyant.


Clodoaldo Lemes