Últimas Notícias

Notícias do Rádio

Telefonia

Nº de visualização do site

Pessoas Online

segunda-feira, 15 de abril de 2013

GDF adia novamente a inauguração do Estádio Nacional de Brasília, nova data é 18 de maio

|

Inauguração do Estádio Nacional de Brasília é adiada novamente pelo GDF
Estádio Nacional e Brasília Mané Garrincha. Foto: Mary Leal
O Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha não será mais inaugurado no dia 21 de abril, segundo informou nesta segunda-feira (15/04) o governador Agnelo Queiroz. Em 2011, o próprio governador tinha prometido que o estádio seria inaugurado no dia 31 de dezembro de 2012, quando chegou o tal dia, Agnelo chamou uma coletiva de imprensa e anunciou que a nova arena seria inaugurada no dia do aniversário de 53 anos de Brasília, ou seja, 21 de abril de 2013. Agora, a nova data prometida para entrega é 18 de maio.

O GDF culpou as chuvas que caem sobre o Distrito Federal pelo adiamento da inauguração do estádio. A empresa responsável pelo plantio da grama divulgou um comunicando informando que os trabalhos de terraplenagem, drenagem e colocação de tubos para coleta de água ficaram comprometidos pelo excesso de chuva, sem a correta execução desses serviços, o nivelamento do campo poderia não ficar dentro dos padrões exigidos pela FIFA.

Segundo o Secretário Extraordinário de Copa, Cláudio Monteiro, questões técnicas levaram à decisão. De acordo com ele, uma avaliação dos fornecedores do gramado indicou que haveria riscos irreversíveis ao campo se a grama fosse instalada nos próximos dias, já que as etapas que antecedem a instalação - serviços de terraplenagem, drenagem de campo, execução de tubos coletores de água - estão sendo prejudicadas pelas chuvas.

"A instalação da grama sem a perfeita confecção dos serviços de nivelamento da base, da drenagem e a compactação "top soil" (camada final antes da grama) pode prejudicar a qualidade final de todo o sistema de um gramado padrão FIFA. Tais danos são irreversíveis, dificilmente sanados a posteriori e no decorrer do uso do gramado", explicou a nota técnica da empresa Greenleaf Projetos e Serviços Ltda., responsável pelo fornecimento e instalação do gramado.

"A questão da grama é além da grama, mas do gramado como um todo. As chuvas estão fortes há 15 dias, inclusive à noite, e não têm permitido que a drenagem seja construída e isso colocaria em risco não só esse evento, mas a utilização futura do estádio. E essa arena não é para sofrer reformas pós-Copa das Confederações, mas um estádio para ter uso contínuo", disse Monteiro.

A previsão é de que o gramado seja instalado até o fim de abril. De acordo com Cláudio Monteiro, as obras estão 96% concluídas e a finalização da colocação das cadeiras será realizada até o próximo domingo (21.04). “Com exceção do gramado, tudo estará praticamente pronto até o dia 21, restando apenas ajustes que são normais em todas as arenas”, disse.

A programação do GDF é inaugurar o estádio em 18 de maio, com a final do Campeonato Brasiliense (Candangão), num evento aberto para até 30 mil torcedores e participação da cantora Elza Soares cantando o hino nacional. A artista foi companheira de Mané Garrincha por 17 anos. De acordo com o governo do DF, o jogo entre Santos x Flamengo, pelo Campeonato Brasileiro, tambem está mantido como evento-teste para 26 de maio.

“Se ocorrer de o Brasília (Futebol Clube) ganhar os dois turnos e não ter uma final no dia 18, vamos chamar um outro campeão -  o atual campeão brasileiro ou o campeão carioca, por exemplo - para colocar as faixas no Brasília, mas esperamos que tenha aqui a final com dois times da cidade", explicou Monteiro.

O Estádio Nacional receberá a partida inaugural da Copa das Confederações, entre Brasil x Japão, em 15 de junho de 2013. Em 2014, sete partidas do Mundial estão previstas para a arena.

Obras do entorno
Cláudio Monteiro explicou que as obras do entorno do estádio estão planejadas para serem executadas em etapas e que parte delas estará pronta para a nova data de inauguração, 18 de maio.

“A parte do acabamento próximo ao estádio vai estar toda pronta. Agora, nós chamamos de  obras de repaginamento do centro da cidade a ligação da avenida W4 com a avenida W5 Sul, o túnel que ligará o estádio ao Centro de Convenções e o túnel que ligará o Clube do Choro ao Parque da Cidade, ciclovias e calçadas e a arborização dos jardins: parte disso ficará pronta entre a Copa das Confederações e a Copa do Mundo e parte disso após a Copa do Mundo, que o acabamento final”, disse.
Com informações do Portal da Copa/Edição: Redecol Brasil



Comente com sua conta do Facebook


Postar um comentário

Antes de comentar leia nossa Política de Comentários

Atenção: Os comentários não refletem as opiniões do editor e nem do Site.