Últimas Notícias

Notícias do Rádio

Telefonia

Nº de visualização do site

Pessoas Online

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Entrevista com o Radialista Dinoel Mota

|

Foto Locutor Dinoel Mota
"o meu interesse pela profissão surgiu através de uma brincadeira, eu gostava muito de ficar gravando minha voz em um gravador como se estivesse em um programa de rádio, mas jamais pensei que isso poderia um dia chegar a ser uma realidade até então fazia isso por diversão mesmo, jamais havia pensado em ser radialista."

Hoje, você acompanha uma entrevista que realizamos com o locutor e radialista Dinoel Mota, estamos convidando os principais nomes do rádio cristalinense para expor seus pontos de vista, suas opiniões e como vêem o futuro e o momento deste veículo tão fascinante que é o rádio. Observação: RCB (Redecol Brasil). Gostaríamos de agradecer imensamente o Dinoel pela atenção e o pronto atendimento para nos conceder essa entrevista.


RCB: Nome de batismo
Dinoel Mota: Dinoel Gomes da Mota

RCB: Nome artístico
Dinoel Mota: Dinoel Mota

RCB: Local de nascimento
Dinoel Mota: Cristalina-GO

RCB: Formação
Dinoel Mota: Locutor de rádio

RCB: Time do coração
Dinoel Mota: Flamengo

RCB: Como surgiu o seu interesse pelo rádio? Quando você decidiu ser radialista?
Dinoel Mota: Bem o interesse pela profissão surgiu através de uma brincadeira, eu gostava muito de ficar gravando minha voz em um gravador como se estivesse em um programa de rádio, mas jamais pensei que isso poderia um dia chegar a ser uma realidade até então fazia isso por diversão mesmo, jamais havia pensado em ser radialista.
Minha carreira de radialista começou, quando um locutor da extinta rádio 102 Fm, aqui de Cristalina, me ouviu falar ao microfone em um parque de diversões que estava próximo a minha casa, ele gostou da minha voz e me convidou para fazer um teste na emissora, fui aprovado e ingressei na equipe da mesma, me apaixonei pela profissão e de lá para cá não parei mais.

RCB: Qual foi a primeira rádio que você trabalhou?
Dinoel Mota: A primeira rádio que eu trabalhei, foi a 102 Fm de Cristalina, que era uma emissora livre, logo depois, ingressei na Rádio Comunitária Líder Fm também de Cristalina.

RCB: Quais as rádios em que você trabalhou?
Dinoel Mota: Líder FM - Cristalina, Comunidade FM – Gama - DF, Boa Nova Fm – Goianésia – Go e atualmente estou na Serra dos Cristais - AM de Cristalina.

RCB: Você já trabalhou em emissoras AM e FM, qual a diferença principal no modo de trabalhar entre essas rádios?
Dinoel Mota: A principal diferença da AM pra FM é o tipo de público, por exemplo: na AM a programação é ouvida em grande parte pelo púbico da zona rural,  número de ouvintes que também vem crescendo na cidade. Já na FM a audiência em sua grande maioria é urbana, atingindo assim um público mais exigente, digo em relação a música de uma forma geral, mais eclética que curte todos os ritmos e não só o Sertanejo como são as pessoas da zona rural. Sendo da mesma forma a parte de Locução, a FM exige-se mais dinâmica, uma locução mais animada e mais alegre, já a AM  é uma locução mais padrão e  mais séria.

RCB: Atualmente você está na Rádio Serra dos Cristais Am 1470 Khz, como você avalia esse processo de modernização por qual passa a emissora?

Dinoel Mota: Avalio como positivo em todos os aspectos, primeiro porque na minha opinião a modernização nos dias atuais não é mais uma questão de luxo, e sim, de necessidade, pois sabemos que as emissoras  de rádio de uma forma geral que não investem em novas tecnologias (modernização dos seus equipamentos ) acaba ficando para trás e perdendo público.

RCB: Ainda em relação a Serra dos Cristais, quais as principais mudanças que você pode nos adiantar que irão acontecer na emissora? E como é trabalhar numa emissora com programação católica?
Dinoel Mota: Será construído um novo estúdio na emissora, mais moderno e contando com o que a de melhor em equipamentos do gênero, também esta prevista a compra de um transmissor mais potente proporcionando assim uma maior abrangência de sinal, além disso, ao longo deste ano os ouvintes da Rádio Serra dos Cristais, conferirá muitas novidades. Em relação à programação católica da emissora, a mesma está somente em horários determinados, deixando assim de ser uma Rádio totalmente de programação religiosa, sendo uma rádio comercial, voltada para todos os públicos, tocando todos os ritmos musicais.
já a minha experiência em uma rádio católica não poderia ser melhor, por mais que o meu programa na emissora não seja religioso é muito bom estar trabalhando com pessoas que sempre colocam Deus em primeiro lugar.

RCB: Uma coisa que achei super bacana é que o ouvinte pode interagir em tempo real com os locutores da Rádio Serra dos Cristais pelo Messenger (MSN) como você avalia essa interação com o ouvinte? E qual o endereço para ouvinte entrar em contato com você ou com os outros locutores da rádio?

Dinoel Mota: É verdade, a interação com o ouvinte é muito bacana e produtiva para nós Locutores, assim podemos atender o mesmo de uma forma mais próxima. Possibilitando ao ouvinte dizer aquilo que esta achando da programação com críticas e sugestões. Mas, já tem algum tempo que a rádio tirou o MSN da rádio do ar, para os ouvintes que quiserem entrar em contato comigo pode ser através do meu MSN particular que é: dinoel2010@hotmail.com também tenho uma página no Orkut e tem ainda o telefone da Serra dos Cristais: 61 – 3612 – 2929 e o site da emissora: http://www.radioserradoscristais.com.br/

RCB: Você pode nos falar um pouco do seu programa na Rádio Serra dos Cristais?
Dinoel Mota: O meu programa na emissora é dividido em dois tempos, iniciando-se  às 18:00 horas e terminando as 19:00 horas, sendo este o programa intitulado: Na Beira do Fogão, um programa voltado a música sertaneja, tocando o que há de melhor no gênero.
Já o outro programa que apresento na Serra dos Cristais, chama-se: Saudade não tem idade, que vai ao ar após a Voz do Brasil, às 20:00 horas. Este programa é bem eclético, tocando todos os ritmos musicas com muitos flash backs e também os sucessos do momento, tudo feito com muito carinho para agradar o ouvinte, que tem uma interação total nos dois programas, podendo participar da programação com seus pedidos musicais.

RCB: O que o rádio significa para você? Se não fosse radialista, que profissão gostaria de seguir?
Dinoel Mota: Posso dizer que o rádio é o complemento da minha vida, não me vejo hoje em outra profissão, amo o que faço, por mais que nesta área enfrentamos muitas dificuldades ainda sim, vale a pena ser um profissional do Rádio. Se por caso eu não fosse radialista, gostaria de ser um engenheiro civil.

RCB: Qual o seu recado para aqueles que são fãs do seu trabalho?
Dinoel Mota: O meu recado para aquelas pessoas que prestigiam o meu trabalho não poderia ser outro, só tenho a agradecer o apoio de todos que de uma forma ou outra contribuem para a minha permanência no rádio. Peço a essas pessoas que continuem me dando a honra de tê-las em minha vida e, sobretudo em minha carreira profissional, obrigado a todas e que Deus as abençoe.

RCB: O Site Redecol Brasil agradece sua atenção, fique a vontade para suas considerações finais.
Dinoel Mota: Quero aqui agradecer a oportunidade dada pelo site Redecol Brasil na pessoa do amigo Clodoaldo e parabenizar a iniciativa de valorizar pessoas da nossa cidade, bem como esta área tão fascinante que é o rádio.  Coloco-me a inteira disposição. Gostaria também de convidar a todos para que ouça a rádio Serra dos Cristais AM, na frequência de 1470 Khz  e conheça um pouco da nova cara da emissora.  Obrigado a todos.

Categorias: Entrevista


Comente com sua conta do Facebook


Um comentário :

  1. ameiiii a entrevista do lucutor dinoel mota1!! parabens a toda a equipe q fez a entrevista!!!

    ResponderExcluir

Antes de comentar leia nossa Política de Comentários

Atenção: Os comentários não refletem as opiniões do editor e nem do Site.