Últimas Notícias

Notícias do Rádio

Telefonia

Nº de visualização do site

Pessoas Online

terça-feira, 2 de julho de 2013

Projeto de lei que passa à prefeitura de Cristalina os domínios sobre a Praça São Sebastião gera polêmica na cidade

|

Igreja São Sebastião em Cristalina Goiás
Igreja São Sebastião em Cristalina.
A prefeitura de Cristalina enviou um projeto de lei à Câmara de Vereadores do município, em que, requeria o domínio sobre a área onde está localizada a Igreja São Sebastião, bem como, a praça em seu entorno. 

O projeto ganhou grande repercussão negativa nas redes sociais, tanto que a prefeitura divulgou uma nota de esclarecimento (que pode ser lida no final desta matéria) onde discorre sobre os motivos que levaram a edição do projeto de lei.

Segundo a nota, a prefeitura de Cristalina recebeu apoio do governo de Goiás para revitalizar a Praça São Sebastião e a Praça da Vitalidade. No entanto, na fase de juntar a documentação para firmar o apoio, descobriu-se que a Praça São Sebastião, assim como 70% de Cristalina, não possui registro imobiliário, essa situação obviamente inviabiliza qualquer investimento público naquela área.

Assim, para sanar o problema e poder receber recursos do estado e também do governo federal para melhorias na praça, o Poder Executivo enviou à Câmara o projeto de lei que passa o domínio da área para a prefeitura de Cristalina. Segundo João Fachinello, vice-prefeito, houve um mal entendido criado sobre o assunto. “Em nenhum momento cogitamos em fazer qualquer tipo de modificação na Praça que viesse a interferir na historicidade que a mesma traz consigo, a Praça São Sebastião é um cartão postal da nossa cidade e continuará onde sempre esteve, sob total gestão da Igreja Católica”, disse.

Leia abaixo a íntegra da nota de esclarecimento divulgada pela prefeitura:
A Prefeitura de Cristalina conseguiu apoio do Governo do Estado para revitalização de duas praças do município. Foram escolhidas então a Praça da Vitalidade, situada no setor Aeroporto, e a Praça são Sebastião, situada na Cristalina Velha. Ao dar andamento aos trâmites burocráticos, a Prefeitura encontrou um entrave, a Praça São Sebastião não possuí registro imobiliário, o que impede qualquer investimento da esfera estadual e federal no terreno.
 Sendo assim, o Poder Executivo encaminhou um projeto de lei para Câmara, no qual conferia ao município a dominialidade da área, para que assim pudesse a mesma ser beneficiada com projeto de revitalização, garantindo benfeitorias e um espaço de lazer para a comunidade.
 “Em nenhum momento cogitamos em fazer qualquer tipo de modificação na Praça que viesse a interferir na historicidade que a mesma traz consigo, a Praça São Sebastião é um cartão postal da nossa cidade e continuará onde sempre esteve, sob total gestão da Igreja Católica”, afirmou vice-prefeito João Fachinello, que lamentou o mal entendido que criado em torno do assunto. “Tanto eu, como o prefeito, somos católicos, apostólicos romanos, o que confere ao nosso Governo uma gestão cristã que não deixará especulações mudar o compromisso de transparência com a população", disse Fachinello.



Categorias: Cristalina, Entorno


Comente com sua conta do Facebook


Postar um comentário

Antes de comentar leia nossa Política de Comentários

Atenção: Os comentários não refletem as opiniões do editor e nem do Site.