Últimas Notícias

Notícias do Rádio

Telefonia

Nº de visualização do site

Pessoas Online

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Lavouras de feijão de Cristalina apresentam perdas de 30% devido as chuvas

|

Com o excesso de chuvas registrado nas últimas semanas, as lavouras de feijão e soja começaram a ser prejudicadas com o excesso de umidade. De acordo com o secretário de Agricultura, Pecuária e Irrigação, Antônio Flávio de Lima, essas lavouras, em especial a do feijão, são sensíveis ao tempo chuvoso registrado e já começaram a apresentar perdas. “Ainda precisamos avaliar os resultados desses números, mas é certo que os prejuízos existem. Informações preliminares dizem, por exemplo, que o município de Cristalina já apresentou perdas na ordem de 30% dessa safra”, informa.
Além do feijão, a soja também tem despertado alerta da secretaria com especial atenção à ferrugem asiática e ao mofo branco. De acordo com o engenheiro agrônomo e consultor agrícola na Região da Estrada de Ferro, Celi Mariano, em condições de umidade elevada e prolongada, como as apresentadas, é que o fungo responsável pelo mofo branco encontra condições ideais para se desenvolver e atacar as plantas. “Não há combate específico, uma vez que a utilização de produtos químicos é cara e pouco eficiente, no entanto é preciso que o produtor esteja atento e realize um manejo mais rigoroso de forma a adotar um sistema que dificulte a proliferação da praga”, explica.
O secretário de Agricultura ressalta ainda que, com o tempo mais firme registrado nessa semana, a tendência é de que os produtores possam fazer os tratos específicos nas lavouras segundo o calendário. “Temos procurado manter os produtores e técnicos informados sobre a necessidade de monitorarem o desenvolvimento dessas lavouras. A Emater atua, dessa forma, no trabalho de assistência técnica e dentro das possibilidades estamos tomando as medidas, especialmente de forma a prevenir a ocorrência dessas pragas”, completa.

Categorias: Dicas


Comente com sua conta do Facebook


Postar um comentário

Antes de comentar leia nossa Política de Comentários

Atenção: Os comentários não refletem as opiniões do editor e nem do Site.