Sete de cada dez ex-presidiários voltam a praticar crimes no Brasil


Presos no Brasil
Segundo o presidente do Supremo Tribunal Federal – STF, ministro Cezar Peluso, de cada dez presos que deixar o sistema penitenciário no Brasil, sete voltam a praticar crimes, ou seja, 70% das pessoas que comprem alguma pena privativa de liberdade reincidem no crime, esta é uma das taxas de reincidências mais elevadas do mundo e mostra a ineficácia do sistema carcerário brasileiro.

Para tentar mudar este triste panorama, o Conselho Nacional de Justiça – CNJ, criou em 2009 o programa Começar de Novo foi criado em outubro de 2009 com o objetivo de oferecer oportunidades de capacitação profissional e de trabalho para detentos e ex-presidiários. Os detentos que trabalham e estudam, tem como incentivo a redução da pena proporcionalmente às horas trabalhadas/estudadas.

Hoje dos 500 mil presos existentes no Brasil, somente 14% trabalham e 8% estudam, com esses números associados às más condições das delegacias e presídios, falta de capacitação e salários baixos das polícias e principalmente, política de segurança público conduzida de modo errôneo pelos governantes, forma a fórmula perfeita para demonstrar os altos índices de reincidências e, sobretudo de criminalidade em nosso país.

Comente com sua conta do Facebook

Comente com sua conta do Google

Nenhum comentário

Antes de comentar leia nossa Política de Comentários

Atenção: Os comentários não refletem as opiniões do editor e nem do Site.