Últimas Notícias

Notícias do Rádio

Telefonia

Nº de visualização do site

Pessoas Online

segunda-feira, 4 de março de 2013

Transposição do Rio São Francisco deve ser concluída até 2015 afirmou Dilma

|

Presidenta afirma que as obras de transposição do Rio São Francisco serão entregue em 2015
A presidente Dilma Rousseff disse hoje (04/03), na Paraíba, que o governo vai concluir as obras da transposição do Rio São Francisco até 2015. Segundo Dilma, a obra vai resolver o histórico problema de oferta de água no Semiárido nordestino.

“Não só assumo aqui o compromisso de que nós iremos, até 2014, entregar uma parte dessa interligação, como ela estará concluída até 2015. Assumo em meu nome e em nome do ministro Fernando Bezerra Coelho [ministro da Integração Nacional]”, disse a presidenta em discurso após visitar as obras da 1ª etapa do Sistema Adutor das Vertentes Litorâneas da Paraíba, no município de Itatuba.

Segundo Dilma, apesar de ser considerada uma obra estratégica e representar o maior investimento do governo em infraestrutura hídrica, a transposição do São Francisco sozinha não vai assegurar o abastecimento de municípios atingidos pela seca, por isso a necessidade de obras como o canal visitado hoje, que levam água até as populações mais atingidas. A presidenta comparou o conjunto de empreendimentos a um sistema circulatório, em que a transposição é a “veia maior” e os canais são as “veias menores”.

“Por isso para cada R$ 1 que colocamos na interligação [do Rio São Francisco], temos que colocar R$ 2 nas outras obras estruturantes articuladas com a obra da interligação”, disse.
A presidenta rebateu as críticas de que o governo federal só investe em obras emergenciais de combate à seca e disse que os recursos são direcionados tanto para ações pontuais como para obras estruturantes.

“Aqueles que dizem que não fazemos obras estruturantes, só emergenciais, estão errados. Nós fazemos sim. Agora, tem uma coisa: nós temos responsabilidade com o povo, então fazemos obras emergenciais também. Porque o governo federal e os governadores não vão ficar de braços cruzados vendo a seca surgir. Não queremos que o Nordeste seja abastecido com carros-pipa, queremos que aqui tenham obras estruturantes, mas enquanto elas não ficam prontas, vamos garantir carros-pipa sim”, declarou.

Ao comparar números de investimentos em obras de infraestrutura hídrica no Nordeste nos últimos anos, Dilma disse que resolver o problema de abastecimento de água na região é “o desafio de uma geração” e que o governo quer fortalecer parcerias com estados, municípios para chegar a esse objetivo. “Ficamos 500 anos sem resolver o problema da água, mas a nossa geração vai resolver o problema aqui no Nordeste”. Segundo a presidenta, o que falta para resolver o problema da seca são projetos, e não recursos. Após visitar as obras da 1ª etapa, Dilma assinou a ordem de serviço para a etapa 2 do Canal Acauã-Araçagi.
 Com informações da Agência BR para o site Redecol Brasil


Categorias: Atualidades


Comente com sua conta do Facebook


Postar um comentário

Antes de comentar leia nossa Política de Comentários

Atenção: Os comentários não refletem as opiniões do editor e nem do Site.