Últimas Notícias

Notícias do Rádio

Telefonia

Nº de visualização do site

Pessoas Online

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Motociclistas representaram em 2012, 69% das indenizações do seguro DPVAT pagas às vítimas de acidentes de trânsito

|

Saiba como receber indenização do seguro DPVAT
Divulgação.
As motocicletas representaram em 2012, 69% das indenizações do seguro DPVAT pagas às vítimas de acidentes de trânsito, segundo informou a seguradora Líder, administradora do seguro. 

Segundo Ricardo Xavier, diretor-presidente da seguradora, com a popularização das motos e o aumento da frota, o número de acidentes aumentaram, além disso, o número de motociclistas que ficaram com invalidez permanente também cresceu. Ele acrescenta que este aumento se dá principalmente devido a maior exposição do motociclista em caso de um acidente.

O Seguro Obrigatório - DPVAT, paga indenizações às vítimas de acidentes de trânsito em caso de morte, invalidez permanente e reembolso de despesas médicas e hospitalares. Em 2012, foram pagas 507.915 indenizações às vítimas, aumento de 39% em relação ao ano anterior. Enquanto isso, a frota brasileira de veículos alcançou a marca de 74,4 milhões de unidades, aumento de 7,9%.

Acidentes cobertos pelo seguro DPVAT
Estão cobertos acidentes de trânsito ocorridos nos últimos três anos, envolvendo veículo automotor de via terrestre (carro de passeio, motocicleta, caminhão, ônibus, micro-ônibus ou trator), que tenham causado morte, invalidez permanente ou despesas médico-hospitalares. Tanto pedestres, condutores, passageiros ou qualquer outra pessoa vítima de acidente envolvendo um desses veículos podem solicitar o pagamento da indenização.

Quem recebe e quanto
Cobertura
Quem tem direito (beneficiários)
Valores de indenização
Morte
Invalidez permanente
Despesas médico-hospitalares
Familiares ou herdeiros legais
Somente o próprio acidentado
Somente o próprio acidentado
R$ 13.500,00 por acidentado (1)
até R$ 13.500,00 por acidentado(2)
até R$ 2.700,00 por acidentado(3)
(1) Estes valores não são divididos entre as vítimas do mesmo acidente. São pagos individualmente
(2) O valor da indenização de invalidez permanente varia conforme a gravidade da lesão
(3) O valor do reembolso médico-hospitalar varia conforme o total de despesas comprovadas

Prazo para fazer o pedido
O prazo para fazer o pedido de indenização é de 3 anos a contar da data do acidente.

Dicas para receber mais rápido
Acompanhe de perto o andamento do seu pedido de indenização pelo Site DPVAT(clique aqui para acessar) ou pelo SAC 0800 022 1204. Nestes canais você recebe informações seguras sobre todas as etapas de análise do pedido até o recebimento da indenização.

Como evitar o golpe do DPVAT
O pedido de indenização do Seguro DPVAT não deve ser entregue a terceiros. Ele deve ser aberto e acompanhado diretamente por quem tem direito à indenização. Pedir, acompanhar e receber a indenização do DPVAT são serviços gratuitos. Não abra mão de parte da indenização pagando desnecessariamente comissões ou honorários a terceiros.
A indenização do DPVAT é liberada em até 30 dias quando o pedido é feito nos pontos de atendimento autorizados. Fique atento: pedidos feitos na justiça levam anos para ser liberados.

Quais documentos devem ser apresentados para pedir a indenização
Cada tipo de sinistro (morte, invalidez permanente e reembolso de despesas), exige um tipo de documento comprobatório. A relação de documentos exigidos em cada caso podem ser consultados diretamente pelo site do DPVAT, na internet.

O DPVAT cobre os prejuízos do carro, em caso de acidente?
Não, o DPVAT é um seguro que indeniza exclusivamente as pessoas acidentadas. Ele não cobre acidentes sem vítima nem os prejuízos materiais.

Qualquer dúvida em relação ao seguro DPVAT, entre em contato através dos seguintes canais:
Telefone: 0800-0221204;

Categorias: Atualidades


Comente com sua conta do Facebook


Postar um comentário

Antes de comentar leia nossa Política de Comentários

Atenção: Os comentários não refletem as opiniões do editor e nem do Site.