Últimas Notícias

Notícias do Rádio

Telefonia

Nº de visualização do site

Pessoas Online

domingo, 27 de novembro de 2011

26 Câmeras já monitoram 24 horas por dia a cidade de Cristalina

|

Câmeras no centro de Cristalina   
No último dia 22 de novembro, foi inaugurado em Cristalina o GGIM -Gabinete de Gestão Integrada Municipal, sede das ações do Programa Nacional de Justiça com Cidadania - PRONASCI do Ministério da Justiça, que conta com 26 câmeras que monitoram 24 horas por dia os pontos estratégicos da cidade de Cristalina, além disso, há uma unidade móvel de segurança, com veículo equipado com câmeras e sistema de informação capaz de averiguar em tempo real todos os dados de condutores e automóveis parados em blitz.

Equipe de trabalho
O GGIM de Cristalina conta com uma equipe de dez pessoas altamente capacitadas para identificar qualquer anormalidade nas áreas monitoradas. Essa equipe trabalha em forma de plantão, sendo a escala de 12/36 horas.

Inicialmente os guardas municipais de Cristalina serão os operadores do sistema de monitoramento, eles foram treinados e estão capacitados para o trabalho, posteriormente, profissionais de outras forças da segurança pública integrarão a equipe.

Capacidade das Câmeras
As 26 câmeras instaladas em Cristalina tem capacidade de focalização de 2.800 metros, ou seja, o alcance das câmeras chega quase a três quilômetros, dessa forma, facilmente possível chegar denúncias e situações que exijam a presença de força policial. As imagens coletadas pelas câmeras serão armazenadas em servidores instalados no GGIM e só poderão ser acessadas mediante mandato judicial.

Mais segurança
Sem sombra de dúvida o monitoramento dos pontos mais movimentados e estratégicos da cidade vai permitir maior agilidade das forças policiais, que poderão facilmente receber do CGIM (que gerencia as câmeras) as informações de infrações e crimes cometidos, bem como possibilitar a rápida identificação dos suspeitos.

O Ministério da Justiça, por meio do PRONASCI está de parabéns pela iniciativa e também a Prefeitura de Cristalina, que será a responsável por fazer o sistema funcionar. Em outras cidades do Entorno, as câmeras funcionaram por algum tempo e por falta de manutenção e pessoas capacitadas para concertar os equipamentos, foram desligadas, a sociedade cristalinense torce para que isso não aconteça no município.



Comente com sua conta do Facebook


Postar um comentário

Antes de comentar leia nossa Política de Comentários

Atenção: Os comentários não refletem as opiniões do editor e nem do Site.